Conheça nossos cursos
Conheça nossos cursos

Cursos de graduação EAD

Educação Física: o que é, curso e mercado de trabalho

O que faz um contador: função e área de atuação profissional

Cursos de graduação EAD

Educação Física: o que é, curso e mercado de trabalho

Por Redação em Aug 23, 2021 12:00:00 AM | 5 min de leitura

A Educação Física é uma área de estudos que nunca perde a relevância para a sociedade.

Afinal, a prática de exercícios físicos é algo essencial para manter a saúde da mente e do corpo da população. 

Na atualidade, com os níveis de obesidade e sedentarismo aumentando em todo o mundo, a Educação Física vem ganhando ainda mais importância. 

Nesse sentido, os profissionais formados na área encontram diversas oportunidades de atuação profissional, o que faz do curso de Educação Física uma ótima opção para quem procura uma carreira promissora. 

Neste artigo, vamos explicar o que é Educação Física, o que faz um profissional da área, como é o curso e quais as oportunidades no mercado de trabalho. 

Fique conosco e descubra tudo sobre a profissão!

Nova call to action

O que é Educação Física e o que faz o profissional da área?

Educação Física é uma área do conhecimento que tem como objeto de estudo as práticas corporais da humanidade, buscando o aperfeiçoamento, controle e manutenção da saúde do corpo e da mente através da atividade física. 

Essa área concentra seus estudos nos diferentes tipos de atividades físicas, identificando as melhores práticas para promover o condicionamento físico de crianças, jovens e adultos.

Os profissionais que atuam nessa área são chamados de educadores físicos. Eles buscam 

proporcionar saúde e bem-estar às pessoas por meio da prática de atividades físicas.

De modo geral, seu trabalho consiste em acompanhar e orientar as pessoas durante a prática de esportes ou exercícios físicos, buscando encontrar as melhores práticas para cada perfil. 

Crianças em idade escolar, atletas profissionais, pacientes que estão em reabilitação, portadores de deficiência física e idosos são alguns dos principais públicos atendidos pelos educadores físicos. 

Para exercer a profissão, é essencial ter diploma de ensino superior, além de registro no Conselho Regional de Educação Física (CREF).

Qual a importância da Educação Física?

Você sabe quantas horas passa sentado ou deitado por dia? Seja no trabalho, em aula, ou em casa, as pessoas estão se movimentando cada vez menos. 

A prática de exercícios físicos tem se tornado um hábito cada vez menos comum entre as pessoas. Não é à toa que dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) de 2019 apontaram que 70% das pessoas no mundo todo são sedentárias. 

Além do risco de obesidade, a falta de atividade física pode ocasionar diversos problemas de saúde, impactando diretamente a qualidade de vida e longevidade da população.

Doenças como diabetes, problemas cardiovasculares, ansiedade e até mesmo câncer estão associados ao sedentarismo. 

A prática de atividade física é essencial para a saúde humana e, atualmente, pode ser vista como uma questão de saúde pública. 

Nesse contexto, a Educação Física, enquanto ciência, tem o importante papel de promover e incentivar os exercícios físicos, buscando formas de reaver esse hábito na população.

Dessa forma, cresce a relevância dos educadores físicos no cenário atual. 

Afinal, o exercício físico traz benefícios que vão além da estética, contribuindo para a prevenção de doenças e para o bem-estar da mente e do corpo.

O que se estuda no curso de Educação Física?

A faculdade de Educação Física é oferecida em duas modalidades: bacharelado e licenciatura. 

O bacharelado habilita os diplomados para atuar nas áreas de desporto, lazer, saúde, recreação e gestão da Educação Física. 

Já a licenciatura, é voltada à formação de professores.

De modo geral, podemos dizer que o bacharelado é uma formação mais ampla de mercado, já a licenciatura, é ideal para aqueles que desejam se tornar professores, dando aulas para os ensinos básico, fundamental e médio.

Tanto no bacharelado quanto na licenciatura, os estudantes trabalham disciplinas que envolvem anatomia humana, biomecânica e fundamentos dos esportes, com aulas teóricas e práticas.

A principal diferença entre a licenciatura e o bacharelado é que no primeiro são trabalhados conteúdos de pedagogia e didática. Afinal, é uma modalidade que forma professores. 

Abaixo, apresentamos as principais disciplinas trabalhadas em ambos os cursos:

  • Desenvolvimento e Aprendizagem Motora
  • Anatomia Geral e Sistêmica
  • Fisiologia Humana 
    Modalidades Esportivas
  • Ginásticas
  • Cinesiologia
  • Fisiologia do Exercício
  • Biomecânica dos Esportes
  • Psicologia do Esporte 
  • Psicomotricidade
  • Treinamento Desportivo 

A faculdade de Educação Física tem duração de quatro anos. Ela só pode ser cursada nas modalidades presencial ou semipresencial, ao contrário de outros bacharelados e licenciaturas que podem ser feitos a distância.

Durante esse período, além das disciplinas, os estudantes também devem realizar estágios obrigatórios e apresentar o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). 

Como é o mercado de trabalho do educador físico?

educacao-fisica-curso - grupos de meninas jogando vôlei

O curso Educação Física oferece ao graduado a possibilidade de atuar em um mercado de trabalho em crescimento e que busca, cada vez mais, profissionais capacitados e com formação superior.

Para os licenciados, as oportunidades estão principalmente nas escolas de ensino fundamental e médio, mas também em clubes recreativos e outras organizações de ensino e atividades para adultos, crianças e adolescentes.

Já os bacharéis em Educação Física, podem atuar em academias e clubes esportivos, treinar equipes amadoras e profissionais, organizar eventos, além de promover atividades diversas na área. 

O educador físico, tanto bacharel quanto licenciado, também está apto a integrar equipes de saúde e qualidade de vida em hospitais e clínicas, atuando na reabilitação de lesões e também no trabalho de incentivo à atividade física para a sociedade.

Abaixo, apresentamos as principais áreas de atuação profissional da Educação Física:

  • Ensino escolar
  • Esportes, treinamento e preparação de times
  • Saúde e Reabilitação
  • Academias
  • Ginástica Laboral
  • Gestão de centros esportivos e academias
  • Lazer e recreação

Quanto ganha um educador físico?

A remuneração dos diplomados em Educação Física vai variar conforme a experiência e o nível de especialização do profissional. 

De acordo com o Educa Mais Brasil, os salários médios são:

Trainee: R$ 1.116,50 a R$ 1.886,89

Junior: R$ 1.395,62 a R$ 2.358,61

Pleno: R$ 1.744,53 a R$ 2.948,26

Sênior: R$ 2.180,66 a R$ 3.685,33

Master: R$ 2.725,83 a R$ 4.606,66

Conclusão

Neste artigo, falamos sobre Educação Física, trazendo mais informações sobre o curso e o mercado de trabalho da profissão.  

Se você se interessa pela área, venha conhecer o curso de Educação Física Semipresencial do UMC. Oferecemos a graduação nas modalidades de bacharelado e licenciatura. 

A UMC oferece uma metodologia de ensino multidisciplinar para formar profissionais preparados para acompanhar e fazer parte de um mercado em constante transformação.

Conheça nossas opções de bolsas de estudos e comece hoje mesmo a trilhar sua carreira na Educação Física!

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

Cursos de graduação EAD

Veja mais conteúdos da UMC sobre EAD e educação

O que faz um pedagogo: carreira, formação, salários

Você gosta da área de educação?
10 min de leitura

Gestão de Tecnologia da Informação: curso e mercado de trabalho

Você gosta de tecnologia e procura por uma profissão com um mercado de trabalho aquecido? Venha conhecer o curso de ...
7 min de leitura

Tecnólogo em Gestão Ambiental: o que faz, salário e carreira

O curso de Gestão Ambiental forma profissionais para atuarem na administração de processos que envolvem recursos ...
15 min de leitura
Ver mais conteúdossobre Cursos de graduação EAD