Conheça nossos cursos
Conheça nossos cursos

Mercado de Trabalho

O que é fit cultural e por que é tão importante para sua carreira

Vida na universidade

Como fazer a revisão bibliográfica do TCC

Mercado de Trabalho

O que é fit cultural e por que é tão importante para sua carreira

Redação
Por Redação em Jun 20, 2022 4:44:14 PM | 6 min de leitura

Você já ouviu falar de fit cultural?

Esse conceito vem se tornando cada vez mais famoso nos setores de recrutamento, então se você está buscando uma vaga vale a pena conhecê-lo.

Fit cultural é a prática de contratar um profissional para além das necessidades da vaga, ou seja, levando em conta também se ele está alinhado ou não à cultura organizacional da empresa.

A existência desse fit cultural entre empresa e empregado é essencial para reter talentos e garantir uma boa produtividade, sendo um aspecto cada vez mais relevante nos processos seletivos.

Quer descobrir mais sobre o fit cultural e como as empresas o testam na prática? Continue neste artigo que falaremos tudo sobre o assunto!

Aqui você vai conferir:
O que significa fit cultural
Os benefícios do fit cultural para empresas e candidatos
Exemplos de teste de fit cultural
Como saber se você tem fit cultural com a organização
Conclusão

New call-to-action

O que significa fit cultural

Fit cultural é a prática de alinhamento de valores e propósitos entre a empresa e o candidato.

Com base nele, os recrutadores identificam se um profissional possui ideias e objetivos que se encaixam com o que é esperado na cultura organizacional de uma instituição.

Afinal, ao considerar esses elementos, os recrutadores conseguem encontrar candidatos com maior probabilidade de motivação, envolvimento e permanência na organização.

É por isso, inclusive, que o fit cultural passou a ser um critério tão importante tanto para os recrutadores como para os talentos, uma vez que os profissionais desejam estar em uma empresa na qual se sintam conectados.

Assim, podemos dizer que o fit cultural serve para nivelar expectativas e também entender quais candidatos se enquadram melhor, não só nas vagas, mas também ao conjunto de valores que constroem a organização.

Para medir o fit cultural dos candidatos com a empresa, os recrutadores vem empregando diversos tipos de testes nos processos seletivos. Ao longo deste artigo, falaremos mais sobre eles.

Os benefícios do fit cultural para empresas e candidatos

Avaliar o fit cultural traz benefícios tanto para as empresa quanto para os candidatos. A seguir, apresentamos os principais:

Melhor desempenho e produtividade

Quando um profissional se identifica com os valores e propósitos da organização, ele “veste a camisa” e se sente orgulhoso de fazer parte da equipe.

Essa satisfação faz com que o colaborador se sinta mais motivado e se torne, consequentemente, mais produtivo.

E isso é benéfico para ambas as partes: ao desenvolver projetos relevantes para o mercado, todos saem ganhando, já que há crescimento mútuo da empresa e dos profissionais.

Retenção de colaboradores e menos turnover

Turnover é a taxa de rotatividade de funcionários de uma empresa, que mede o número de profissionais que saem de uma organização durante um determinado período de tempo.

Algumas empresas têm taxas de turnover muito altas e não conseguem reter seus talentos. O que muitas delas não sabem é que isso pode estar associado ao fit cultural.

É importante que os colaboradores se sintam conectados no local de trabalho. Portanto, quanto maior a satisfação e a identificação com as práticas da empresa, maior também será o tempo de permanência deles na organização.

Por isso, investir em uma seleção com base no fit cultural pode reduzir drasticamente a rotatividade de uma organização, o que contribui para a maturidade das equipes e reduz gastos com recrutamento e seleção.

fit cultural - jovens profissionais alegres em seu ambiente de trabalho

Ambiente de trabalho mais integrado e engajado

Por fim, com o fit cultural, é mais fácil construir um ambiente de trabalho mais saudável, integrado e enganado. Afinal, todos os colaboradores estão alinhados com o propósito e objetivo da empresa.

Esse nível de envolvimento é fundamental para o sucesso dos negócios e também alavancar sua carreira profissional.

Exemplos de teste de fit cultural

Se você chegou até aqui, deve estar se perguntando: mas como, na prática, as empresas avaliam o fit cultural dos candidatos?

Existem diversos testes e técnicas para isso, a seguir apresentamos as duas principais que podem ser utilizadas para mensurar com o máximo de precisão o fit cultural dos futuros colaboradores:

Teste de perfil comportamental

Esse tipo de teste pode ser feito online, normalmente nas primeiras etapas do processo seletivo. A grande vantagem dele é que logo no início do processo já pode indicar quais são os melhores candidatos.

No teste de perfil comportamental, os profissionais respondem uma série de perguntas sobre como agiriam em determinadas situações.

Suas respostas definirão algumas variáveis de seu perfil e auxiliarão a determinar se este está alinhado com os valores da empresa ou não.

Entrevista comportamental

A entrevista comportamental é outra forma de testar o fit cultural dos candidatos.

Ela é como uma entrevista comum, mas as perguntas são mais subjetivas, buscando entender como o profissional se comporta frente a certos desafios e quais os objetivos de vida pessoal e profissional.

Os questionamentos podem ser direcionados a hobbies, empregos anteriores, situações em que teve que tomar decisões difíceis, entre outras possibilidades.

Dinâmica em grupo

Por fim, as atividades de dinâmica em grupo também costumam ser muito usadas para mensurar o fit cultural de um profissional.

Ao colocar os candidatos em uma mesma situação — seja para resolver uma situação-problema ou um desafio — , fica mais clara a forma como cada um se posiciona, identificando qual perfil é o melhor para a empresa.

Como saber se você tem fit cultural com a organização

Você já sabe como as empresas podem medir o seu fit cultural durante um processo seletivo, certo?

Mas, sabia que você também pode avaliar a si mesmo e entender se o seu perfil corresponde aos valores da empresa em questão?

Nos tópicos a seguir, explicamos como:

Conheça a si mesmo

Você já se perguntou quais são os seus valores? O que é importante para você? Quais são seus objetivos pessoais e profissionais? Essas perguntas são essenciais para entender se você tem fit cultural com determinada organização.

Antes de partir para o processo seletivo, você tem que investir no autoconhecimento. Afinal, só ele permitirá que você entenda o que realmente busca alcançar em sua carreira e qual perfil de empresa pode ajudá-lo nisso.

Por isso, antes de qualquer coisa, procure conhecer a si mesmo, esse é um passo essencial para o seu futuro profissional.

Aproveite ao máximo a entrevista com recrutador

Os recrutadores têm um amplo conhecimento sobre a cultura de uma empresa, então aproveite ao máximo os momentos de contato com eles, como as entrevistas, por exemplo.

Nessas ocasiões, não tenha vergonha de fazer perguntas, tire todas as suas dúvidas e certifique-se de que seus objetivos estão de acordo com o perfil da organização.

Lembre-se de que não há perguntas certas ou erradas. Vai depender do que você busca na empresa e das características daquele time em específico.

Não deixe de lado sua vida pessoal e saúde

Passamos a maior parte dos nossos dias trabalhando, certo? Pelo menos a grande maioria de nós, sim!

Por isso, na hora de pensar em seus valores, objetivos e propósito profissionais, considere também o quanto eles estão alinhados com sua vida pessoal, possibilitando que você tenha momentos de lazer com os amigos e a família e tempo para cuidar de sua saúde.

Por mais que seja responsável pelo nosso sustento, o trabalho não é tudo na vida de uma pessoa, é essencial ter equilíbrio, buscando por uma empresa que também tenha uma mentalidade nesse sentido.

Comece sua graduação EAD agora mesmo! Inscreva-se grátis.

Conclusão

Neste artigo, falamos sobre fit cultural. Se você gosta de conteúdos sobre mercado de trabalho, não deixe de conferir outros textos do EAD UMC:

 

Mercado de Trabalho

Veja mais conteúdos da UMC sobre EAD e educação

Como lidar com o estresse?

Causador da Síndrome de Burnout, distúrbio emocional que leva à exaustão no trabalho, o estresse é um dos transtornos ...
24 min de leitura

Profissionalismo: o que é e características

Você sabe o que é profissionalismo? Quais são as características de um bom profissional? Neste artigo, vamos falar mais ...
6 min de leitura

Geração Y: o que é, idade e características

Você sabe o que é geração Y? Quais pessoas compõem esse grupo? Quais são as características dessa geração? Neste ...
8 min de leitura
Ver mais conteúdossobre Mercado de Trabalho